Um clube de ideias fotográficas

O primeiro ensaio do Clube da Fotografia resgata as casas de madeira da área central de Campo Mourão que resistem ao tempo.

Mais do que uma amizade, uma boa foto. É assim que alguns membros do recém-formado Clube da Fotografia pensam. A idéia surgiu a partir do médico, fotógrafo e entusiasta Marcos Corpa. Ele estava num restaurante da cidade quando notou a presença de dois outros profissionais: Nelson Cerqueira e Dilmércio Daleffe. Naquele momento convidou os dois a montarem juntos uma equipe de bons camaradas, de fotógrafos. Mais do que curtir o hobby, uma turma que saísse para espairecer, deixar os problemas de lado, pensar apenas em registros dos obturadores.

A princípio a idéia deu certo. Numa primeira reunião, na casa de Marcos, apenas os três participaram. Analisaram algumas fotos, trocaram idéias, degustaram uma cervejinha. Dias depois eles decidiram ir a campo. Na estrada rural do Barreiro das Frutas, final de tarde, os três fincaram os tripés no cascalho e aguardaram a chegada da lua. Foi divertido. Por algumas horas, a cidade e todos os problemas nela existentes desapareceram. Não foi uma oficina. Foi uma terapia.

Num terceiro encontro, o leque aumentou: o jornalista Vanderlei Camargo, hoje assessor de imprensa da prefeitura, foi convidado. Também na casa de Marcos o grupo analisou mais fotos. Ali, ficou bem claro que cada um tinha um jeito e uma preferência pela arte. Marcos gosta de paisagens diferentes. Nelson, embora trabalhe com o meio publicitário, tem um acervo histórico da cidade. Dilmércio já faz a linha jornalística, da realidade. E por fim, Vanderlei, o meio agrícola. Ou seja, cada um na sua.

Numa quarta reunião, outros dois convidados: Walter Pereira, também jornalista, e Fernando Nunes, publicitário. Em comum, a paixão pelos clics. Foi desta vez que se começou a expor as idéias do clube. Fernando, um alucinado, inquieto e hiperativo pensante, extravasou em possibilidades para o grupo agir. Deu vários palpites e agitou a turma. Uma das suas propostas acabou culminando no ensaio sobre as casas de madeira. A galera fez o ensaio. Agora é só esperar pelo próximo.


Sobre o Autor

Metrópole Revista
Metrópole Revista

Revista de variedades.

0 Comentários



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma Resposta


(obrigatório)


Nunca mais perca uma postagem. Informe o tipo de conteúdo que você deseja receber e ganhe um cupom de desconto para uma compra na metropolestore.com.

Fica tranquilo, não enviamos spam.