Um véu para chamar de meu

Nada diz mais sobre uma noiva do que o véu. Mas escolher o modelo certo pode ser muito complicado.

O véu valoriza a beleza da noiva e além de ser um acessório cheio de significados, dá um ar de mistério na produção.

Concebido como um símbolo de pureza, uma expressão de modéstia, ou para afastar os maus espíritos, o véu é parte integrante do vestuário das noivas em grande parte das culturas ocidentais.

A seguir conheça variados modelos, comprimentos e tecidos utilizados nos véus:


Véus curtos

Fascinador:  o véu cobre apenas uma pequena parte do rosto. Pode ser usado tanto de dia, como a noite. Fascinators modernos são feitos com penas, flores ou grânulos, são presos por pentes, clipe ou mesmo uma tiara.
Bouffant: os véus poofy eram populares nos anos 1960 e 1970. É indicado para casamentos diurnos e a céu aberto.
Blusher:  é aquele que cobre o rosto todo.

Véus Médios
Cotovelo: Este véu termina no cotovelo e está presente na maioria dos vestidos. Ele chama a atenção a qualquer detalhe sobre a região da cintura do vestido.
Dedo: Como o nome diz, o comprimento deste véu vai até a ponta dos dedos. É clássico e confortável, especialmente se você não gosta de uma trilha.
Valsa ou Bailarina: Este véu cai entre a altura dos joelhos ou dos tornozelos. Não é uma boa escolha para um vestido curto, fica fora de proporção.

Véus longos
Capela: Este véu se adapta melhor com vestidos longos ou vestidos com mangas. Um véu capela apenas desliza no chão e este estilo é perfeito para um casamento formal.
Catedral:  Este véu dramático e clássico tem uma cauda longa e é adequado para um casamento tradicional. É o preferido das noivas. Ideal para casamentos noturnos.
Mantilla: É um acessório de origem hispânica. É uma variação elegante, com uma borda de renda. Ela difere do véu, pois é mais pesada e deve ficar rente ao rosto e ao corpo. Se for de renda, deve ser a mesma usada no vestido.

O Tecido
Os véus de noiva costumam ser feitos de tule (liso, com gotas, francês, cintilante), ou de renda. Normalmente o véu fica preso na cabeça com um acessório (grinalda ou aplique.). Eles podem ficar por cima do cabelo ou por baixo (depende da ênfase que se quer dar ao penteado), mas devem sempre combinar com o estilo do vestido.


Sobre o Autor

Metrópole Revista
Metrópole Revista

Revista de variedades.

0 Comentários



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma Resposta


(obrigatório)


Nunca mais perca uma postagem. Informe o tipo de conteúdo que você deseja receber e ganhe um cupom de desconto para uma compra na metropolestore.com.

Fica tranquilo, não enviamos spam.