Que a energia esteja com você

0

Interessante, curioso, enigmático, estranho. Tantos adjetivos podem ser dados ao local, que
Metrópole foi desvendar, entrevistando seu morador e criador, Jaroslau Onesko, 77 anos.
O espaço, na esquina da Avenida Goioerê com a Rua Devete de Paula Xavier, já virou referência em Campo Mourão, com suas inúmeras pirâmides, música ambiente e até um sino, que é e foi alegria de crianças de muitas gerações.

 

 

Morando no local há 52 anos, Jaroslau realiza há 32, um trabalho religioso gratuito para a Fraternidade Branca, usando, segundo ele, tecnologias de avanço cósmico, com as quais já atendeu mais de 40 mil pessoas.  Acostumado com a estranheza que a residência causa nas pessoas, diz que muitos se benzem ou desviam quando ele passa na calçada e outros o chamam de louco. “Muitos vieram aqui e comentaram: ‘poxa vida, há 20 anos passava aqui, queria vir, mas tinha medo’, outros me interpretam como inventor, louco, místico e assim por diante. Na verdade, faço um trabalho diferente.
Vamos dizer que, entre tudo que existe na vida, ele tem grande importância, mas não é para todos”, justifica.
Como você começou este trabalho?

Fui católico por 37 anos e, como todo seguidor da Bíblia, pensava que Jesus veio e pagou todos os pecados e na verdade nem sempre é isso. Por 10 anos freqüentei o espiritismo – que na verdade é ciência, filosofia e religião – e aprendi sobre o carma e a reencarnação. Pela minha dedicação e, como a Fraternidade Branca estava lançando os seus projetos, fui deslocado de lá. Faço um trabalho totalmente inédito na região e no Brasil. A Fraternidade Branca, através das organizações estelares, mestres, anjos, arcanjos e os grandes seres que passaram pela vida, se movimentam para próximo de nós, para colaborar administrativamente no sentido de despertar o ser humano para que use mais racionalmente o seu poder consciente, sem a necessidade de ser guiado ou conduzido por alguém que pense por ele.

Como a atividade é direcionada?

Temos uma Câmara de Cura. A pessoa se conecta com uma pirâmide, entra em sintonia com Sanat Kumara,que é o diretor, um dos anciões de Vênus que trabalha com o desenvolvimento da nossa cidade e planeta. Na verdade, a Terra, em outros tempos, estava para ser explodida, então ele pediu credenciamento ao Conselho Estelar para vir aqui e montar um campo de atividade para recuperar o planeta. Ele trouxe 144 mil assessores de Vênus, especialistas nas mais variadas formas e variações e ficou aqui 22 milhões de anos trabalhando. Agora, nessas últimas dezenas de anos, pela Associação da Liberação da Vida, ele passa ensinamentos baseados nos últimos 300 mil anos. Há 12 e 15 mil anos na época de Lemúria e Atlantida usaram apenas a fé e a sabedoria, daí veio Jesus para implantar o amor, Era de Peixes.

Assim, estabeleceu-se uma administração onde eu faço parte do conselho estelar. Estou aqui na vida, mas também estou fazendo parte de uma organização de relações de ordens administrativas de
outros mundos, outras humanidades

O que é este Centro?

É um Centro Universal, a serviço do Pai Deus, onde o responsável é Saint Germain, que é diretor de uma nova era de sabedoria. Ele já foi, entre outros, o profeta Samuel, São José, Francis Bacon, Cristovão Colombo. A grande Fraternidade Branca está representada através de três fontes: a Samit, a ponte da liberdade, com sedes em Porto Alegre e Manaus, e a Vahali, com sede no Rio de Janeiro. Temos grupos por toda parte do Brasil que nasceram do nosso trabalho e existe muito material de consulta na internet. Quando comecei o trabalho, divulgava com fotocópias. Mas, hoje meu trabalho se tornou mais simplificado porque, quando alguém vem ao nosso encontro, passa através da sintonia com essa pirâmide e se liga a SanatKumara. Expondo as necessidades, passa alguns minutos na Câmara de Cura. Deitado, com a água exposta para ser energizada, começa o atendimento e, levando o material para casa, prossegue fazendo o investimento. Através de um campo áurico de luz adequado, passa a receber a visita da Equipe, seja para pedir abundância, saúde, dinheiro, reconstituição de perdas de família e assim por diante.

Esse contato espiritual pode ser feito em qualquer lugar?

Saint Germain sugere que cada um tenha um santuário em sua casa e faça apelos e as orações três vezes por dia, por pelo menos 1/4 de hora. Se a pessoa encontrou o seu caminho e passa a receber ajuda, será interessante começar a trabalhar em grupo. Em casa ele gera energia de fé, de amor e de vibrações para que o mundo divino pegue essas energias e possibilite ajuda a 100 milhões de pessoas ou almas. Como eu, nesses 38 anos, cheguei a fazer 18 reuniões por semana e a nossa área foi energizada, suprida com todos os recursos vibracionais e toda a capacidade energética, nós extrapolamos o limite do nosso planeta e passamos a ser conhecidos em outras situações estelares relacionadas, como os pleiadianos e os orianos, de onde provém Jesus. Assim, estabeleceu-se uma administração onde eu faço parte do conselho estelar. Estou aqui na vida, mas também estou fazendo parte de uma organização de relações de ordens administrativas de outros mundos, outras humanidades.  A pessoa está presa à vida por necessidade orgânica e física, preenchendo a vida na terceira dimensão: come, dorme, vive sobre todas as condições. E, quando o ser humano se posiciona para o repouso, ele sai do corpo e vai para onde programou durante o subconsciente, a fim de prosseguir as suas atividades, seja estudo, palestra, trabalho. Quem trabalha para a luz não tem aposentadoria, nesta área que ele despertou será um servidor permanente, dia e noite.

Fui católico por 37 anos e, como todo seguidor da Bíblia, pensava que Jesus veio e pagou todos os pecados e na verdade nem sempre é isso. Por 10 anos freqüentei o espiritismo – que na verdade é ciência, filosofia e religião – e aprendi sobre o carma e a reencarnação

São muitos os seguidores?

Foram mais de 40 mil pessoas, atendimentos que fiz, e se fosse agraciado com 10% das pessoas que se interessassem em fazer parte do grupo, seriam mais de quatro mil pessoas. Onde iria alojá-los?  Meu trabalho não tem princípios egoísticos de tornar-se maior e sim conscientizar que cada um é um filho de Deus e onde está Deus. Em sintonia com Deus-Pai, melhora o nível de vibração do ambiente onde está. Para a minha alegria, nunca fiquei sozinho, e quando a pessoa não pode vir, ela faz em casa. Cada um tem o direito de fazer as suas experiências e ser agraciado com informações de boa qualidade, desinteressada, da maneira como é o nosso caso. O nosso atendimento será sempre gratuito.

Qual a função dessas pirâmides?

Como muita gente não entendia nada de pirâmides, quando me tornava conhecido com o trabalho para o qual fui destinado a investir a minha vida, montava placas para divulgar o nome dos mestres. Para fazer mais propaganda, fazia a montagem de uma escada de ouro de 6 metros de altura, com uma estrela que girava, acionada com o vento. Fui então abordado por uma energia que me cobrava para fazer pirâmides. Não suportando a cobrança, me propus a fazer quando terminasse a escada.  Concluído o trabalho, comecei a pirâmide pela manhã, na base da montagem dessa escada. Ao meio-dia fui testar se o cimento havia secado e quando toquei o dedo nela, fiquei eletrocutado, vibrando de alegria, felicidade e êxtase, como se tivesse ligado em um fio de eletricidade. Fui distanciando, a energia enfraquecia; aproximando, aumentava de intensidade. Isso foi o suficiente para me convencer a trabalhar e até mesmo me apaixonar pelas pirâmides. Em seguida comecei a fazer pirâmides. Como é um lugar de bastante movimento, logo um jovem me abordou e perguntou o que eu estava fazendo e para que servia. Expliquei que estava programando as pirâmides para que, posicionadas, sirvam em saúde, paz, alegria, felicidade, iluminação, tudo que é de divino e positivo. O rapaz quis uma e buscou depois de 15 dias. Depois voltou e falou: “Olha, essa sua pirâmide tem um mistério. No final do expediente sempre vou ao boteco e quando chegava em casa brigava com a mulher. Depois que levei a pirâmide eu faço a mesma coisa e nunca mais briguei com a minha mulher”. Tenho cerca de 4 mil pirâmides montadas em bases no Brasil. As pessoas ficam encantadas e felizes e aqui, então, se tornou um campo energético. Uma mulher me falou que estava azarada da vida e com problemas sem solução. Quando caminhava na direção do Posto J, errou o caminho e quando viu estava diante das pirâmides. E sentiu um alívio e uma conexão e que sempre passa na frente para receber boas energias. São experiências pessoais inéditas e que foram me dando respostas.

E o sino na esquina?

Quando comecei, há uns trinta anos, sonhei que eu estava sem camisa com um braço gigante e tocava um sino. Achei uns canos, soldei e montei. Preocupado com uma coisa que veio – e eu não entendia bem o porquê – vim pegar o material para fazer a plaquinha “favor tocar o sino”, mas quando eu fui buscar, já passaram e tocaram.

E a música que toca nos alto-falantes na rua?

Estando aqui, ligo. O aparelho está velho, precisa estar alimentando. Aqui também é conhecido como a esquina da “musiquinha”, não sei se é da época de vocês, mas eu tinha feito um boneco, que quebraram, e não restaurei mais.

Porque utiliza determinadas cores?

Quanto às cores, devemos usar aquelas que estão presentes no arco-íris. Por exemplo, o branco é a essência da pureza e nele estão contidas todas as cores. Temos rosa, que é amor, amarelo é sabedoria, azul é poder, verde é calma, paz e cura, laranja é alegria, cada cor tem uma finalidade.  A cor preta isola a energia de luz e também impede de receber a luz de Deus, através dos raios solares para o interior da mente. O violeta é a tonalidade divina que recupera e restaura as coisas negativas, em relação aos equívocos de vidas passadas. Neste sentido, quando queremos resolver um problema de origem cármica, Saint Germain, que é um detentor da chama violeta, sugere que use o violeta em todos os níveis, porque a nossa mente é muito sensível ao comum da vida.

Fale sobre o cristal de quartzo.

No cristal de quartzo estão contidas energias de alta freqüência, onde tudo que se propõe, pensando ou falando, é registrado.
Ele tem energia para que, em uma nave cósmica de tamanho médio, com uma pedra de 10 a 15 centímetros na cabine, o piloto tenha energia suficiente para se deslocar em movimento estelar usando a velocidade da luz
muitas vezes.
E aí, nós temos esse Ser, Asthar Sheran que está chegando, que é o comandante de 13 milhões de naves em volta do nosso planeta, aguardando providências.

 

 

As naves são invisíveis?

Eles estão se adaptando com a ajuda do nosso trabalho para que se tornem visíveis. Eu estava acompanhando o movimento delas, vindo aqui todo dia, para que, na Terra, os especialistas ajustem os movimentos do nosso planeta, para que não tenham solavancos e que se transforme tudo em suavidade para o conforto dos humanos. Sabia que tinha um programa que estava sendo executado com naves cósmicas em movimento. Apesar de me esforçar, não consegui fotografá-las, mas um jovem que mora nas proximidades do Lago registrou duas naves cósmicas, descendo ou subindo lá do Lago, porque tem uma base lá, de cristal, dentro dele e, inclusive, tem outra base aqui na Praça Getúlio Vargas.

Essa tecnologia está disponível para a humanidade?

Está sim, mas o ser humano está muito ocupado, preocupado com os afazeres do dia e, quando ele tem folga, vai ver filme de bangbang, novela.

Mas a NASA não poderia usá-la?

A NASA já está em atividade operacional. Há referências de mudanças do nosso planeta, relacionadas ao habitat da humanidade, tidas pelos Maias no Apocalipse, e a NASA está se pronunciando, de que alterações solares estão acontecendo, mas do lado oposto à direção, junto à nossa Terra, com explosões solares do nosso Sol físico e em torno dele. Aí, é provável de ter uma alteração, talvez até trágica, para os seres humanos aqui do planeta.

Seria um apocalipse?

As mudanças estão ocorrendo. As pessoas não têm mais direito à vida e estão saindo do planeta piores. Viver está sendo quase insuportável. Tem coisas que estão sacudindo a vibração da humanidade, do planeta, e tem alguém que está cuidando, mas que não tolera mais certas coisas. Essa negatividade, se tenta controlar pelo efeito vibratório das chamas, para que não deixe resíduos negativos para os demais humanos, que haja solução.

Esses seres têm composição humana?

Todos esses nossos irmãos, filhos de Deus que já se elegeram à luz, eles são luz e a luz é a glória. Mas, nós não vemos a luz. Quando eu tenho necessidades ou eles se aproximam de mim, se partem de uma luz e vão se agrupando, de dimensão em dimensão, e assumindo uma forma humana, de um embelezamento que o meu psiquismo possa suportar, até onde tenha condições de alcançar. No meu caso, quando passo pelo processo de conhecimento dos meus sentidos físicos, vou começando a vibração em dimensões crescentes, maiores, até que chegue a um estado de proximidade, para que a gente possa ter conexão e diálogo, se for o caso.

…mas um jovem que mora nas proximidades do Lago registrou duas naves cósmicas, descendo ou subindo lá do Lago, porque tem uma base lá, de cristal, dentro dele e, inclusive, tem outra base aqui na Praça Getúlio Vargas

Sobre o Autor

Regina Lopes
Regina Lopes

É jornalista há 27 anos, editora da Revista Metrópole e jornalista da Prefeitura de Campo Mourão.


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/metropolerevista/metropolerevista.com.br/html/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273