Como cuidar de um bonsai?

Transformar um bonsai em uma planta saudável e linda não é uma tarefa fácil e nem rápida. Pois exige cuidados e dedicação a longo prazo, como técnicas de rega e luz, a forma como se poda, a fertilização e a troca de vaso. Essas pequenas dicas é que vão fazer a diferença para que seu bonsai possa viver muitos anos.

A maioria dos bonsais morre por grandes descuidos. Geralmente, após adquirir um bonsai, as pessoas não se atentam aos seus cuidados básicos e acabam deixando-os como uma decoração da casa, ao lado do computador ou no meio da sala. Desse jeito, a planta começa a perder as folhas e morrer.

Os quatro pontos principais  no cuidado dos bonsais são: solo, água, luz e podas. Esses pontos caminham juntos e fazem com que seu bonsai se desenvolva e se mantenha saudável.

cuidados

Solos: a qualidade do solo influi muito no florescimento do seu bonsai. Os japoneses usam três tipos diferentes de terra:

a) akadama: é uma argila vulcânica com uma enorme capacidade de retenção de nutrientes e absorção do excesso de água. Trata-se de um tipo de terra universal para todos os tipos de bonsais.

b) Kanuma: esta terra é conhecida por seu Ph ácido e por manter a acidez ao longo do tempo. Sua utilização é frequente em azaleias e deve ser misturada com outras terras.

c) Kiriu: é uma terra muito dura, que tem origem vulcânica. É resistente a retenção de água e nutrientes, ou seja, sua drenagem é maior. É ideal para as coníferas e espécies que requerem muita drenagem.

Estes tipos de solos podem ser adquiridos em floriculturas, agropecuárias e lojas de plantas.

Regas: na maioria das vezes os bonsais morrem por excesso de água. Talvez este seja um dos aspectos mais importantes sobre manter o bonsai saudável. Já diziam os japoneses: um principiante pode aprender em um dia como se poda, mas leva a vida toda para aprender a regar. Indica-se fazer a rega no início da manhã ou no final da tarde. Faça-a sempre o mesmo  horário. No outono,  primavera e verão deve-se regar o bonsai todos os dias; no inverno, a rega é reduzida, mas sempre deixe úmido.  Não se esqueça de regar as outras partes do bonsai, para prevenir a acumulação de poeira nos seus poros.

Iluminação: boa luminosidade é um fator essencial no desenvolvimento do seu bonsai. Cada espécie de bonsai possui uma necessidade de luz diferente. Se as folhas estiverem amarelando é sinal de excesso de luz. Folhas escuras indicam pouca luz. Mova o bonsai até que ele se estabilize.

Podas: se o bonsai não for podado regularmente, ele crescerá até o tamanho normal e perderá seu encanto. É recomendado fazer a poda das folhagens durante a primavera e o verão, mas os ramos e troncos só devem ser podados no outono e mantidos assim ao longo do inverno. O corte das raízes deve ser feito anualmente, tirando dois terços do comprimento.

Fertilização e inseticidas: para o crescimento das plantas é ideal o uso de nutrientes. Bonsais também não estão livres de pragas e doenças. Você pode fazer uma prevenção pulverizando com um fungicida adequado, mas somente quando as folhas estão completamente abertas ou em botão. Se aparecer pulgão, remova-o com um mistura de detergente e água borrifada. Já se aparecem lagartas, tire-as manualmente.

Envasamento: a renovação do vaso deve ser feita a cada dois anos, para dar mais espaço para o bonsai crescer. Use sempre o mesmo vaso, aproveite para encurtar as raízes e substitua a terra completamente.


Sobre o Autor

Metrópole Revista
Metrópole Revista

Revista de variedades.

0 Comentários



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma Resposta


(obrigatório)


Nunca mais perca uma postagem. Informe o tipo de conteúdo que você deseja receber e ganhe um cupom de desconto para uma compra na metropolestore.com.

Fica tranquilo, não enviamos spam.