“Decourando”

0

Verdadeiro ou sintético, o couro inspira sofisticação.

Este material marcante vem recebendo a cada ano novos acabamentos, novos tons e texturas, mantendo-se sempre em alta na decoração. Qualquer peça ou espaço pode recebê-lo para um toque mais contemporâneo e ao mesmo tempo, clássico.

Estúdio do Executivo, por Andrea Teixeira e Fernanda Negrelli (Casa Cor SP 2013)O couro possui flexibilidade e adaptabilidade tão grande, que peças inusitadas são criadas todos os dias. Comum em sofás, poltronas e tapetes, o revestimento comprova sua versatilidade ao ser muito explorado em bandejas, paredes, cabeceiras de camas, luminárias, cortinas, painéis, caixas, porta-retratos, armários, criados e até mesmo no chão.

A tendência agora é revestir os móveis com couro para garantir um ar mais moderno. Nesse caso, o couro croco, réptil e liso ganham espaço ao estabelecerem conexão com o mundo da moda, sempre tão influente no décor. Além disso, é um material que também oferece diversas possibilidades de acabamento, como por exemplo, os detalhes com corte a laser.

Em constante crescimento, sua versão sintética e ecologicamente correta, possui hoje qualidade capaz de enganar aos olhos e ao tato. Ao contrário do natural, esse tipo de couro proporciona acabamento com mais brilho e uniformidade, tem melhor preço, várias cores e texturas.

O couro tem o seu lugar de destaque na decoração devido à sua beleza e requinte, porém é importantíssimo não cometer exageros, pois o ambiente pode ficar rústico demais. Para não errar, mescle com produtos de materiais mais frios, como vidro, aço, pedras naturais e/ou espelhos.

Por se tratar da pele de animais, não é possível ter uma superfície grande sem que haja costura, porém é um material sempre bem vindo em um projeto de decoração por seus vários acabamentos, que podem ser: acolchoado (espumas), felpudo, sem pelos, com pelos curtos como o couro de vaca, lavado e tingido em inúmeras cores.

Em algumas indústrias, existem linhas que recebem um tratamento especial para resistir às intempéries, com resistência à luz solar, impermeabilização, além de acabamento antimofo e antiácaro.

Em salas, escritórios e quartos, o material se destaca pela alta durabilidade e por reter a sensação de aconchego e aquecer os ambientes. Tecnologias de tratamento do couro de boi tornaram o material mais bonito e macio.

Além de marcar presença nos cômodos da casa ou apartamento, a estética do couro também é aproveitada em espaços que exigem sobriedade e conforto, como ambientes comerciais, escritórios e salas empresariais.

O couro ainda pode ser inserido em paredes de lavabos e banheiros, desde que seja evitado onde há vapor. Sousplats, bandejas e petisqueiras podem ser lavadas com água e sabão após o uso, desde que sejam secas imediatamente.

Para fazer a limpeza, use apenas um pano bem macio com detergente neutro e água. Lembre-se que, nunca se deve usar produtos como alvejantes, removedores, produtos à base de cloro, álcool, alvejantes, vinagre ou óleo. Se houver somente poeira, um pano macio úmido e logo após um seco resolve.

Se você tiver medo de ousar, mas fizer questão da nobreza que o couro transmite, use um móvel revestido, para que ele se destaque no ambiente. Também é possível usar um tapete com outro tipo de textura, para realçar. Você conseguirá uma atmosfera de conforto e acolhimento.

Manutenção

Uma vez por mês pode-se limpar o móvel a seco com água e sabão hidratante ou neutro. Esfregando sempre no sentido das fibras do couro, passe o pano delicadamente com sabão e retire-o por completo com outro pano limpo e umedecido em água. Deixe secar e, se quiser, dê lustro. É importante que o couro seja hidratado uma a duas vezes por ano. Onde apresentar rachas devido ao ressecamento, passe vaselina líquida. Finalize com flanela seca. Para evitar o aparecimento de manchas, os líquidos derramados sobre o mobiliário em couro devem ser removidos o mais rápido possível, evitando a sua absorção.

É importante manter canetas e objetos perfurantes longe dos estofados, para não riscar ou cortar o couro e não deixá-los expostos às intempéries, que podem ocasionar o aparecimento de rachaduras.

Alternativas ecológicas

Há ainda quem não ache o couro prático, ou prefere um resultado mais ecológico e positivo, mas não abre mão de suas belas texturas. Por isso, materiais que reproduzem seu aspecto ganham cada vez mais espaço.

Papéis de parede são os grandes aliados na hora de dar uma renovada nos ambientes. Suas características mais marcantes são a alta qualidade, a facilidade de remoção, a resistência à luz e por serem laváveis (lembre-se que essas características variam de indústria para indústria). São práticos e não exigem grandes reformas.

Na loja-conceito Vitrine by Casa Fortaleza, especialista no ramo, a proposta para o inverno são estampas e texturas inspiradas no couro, que garantem um visual sofisticado e moderno ao ambiente. Os papéis de parede trazem a textura de couro croco, em tons de azul Tiffany, cinza, preto, vermelho e nude. A fabricação é da marca premium francesa, Élitis, revendida com exclusividade pela Vitrine.

Na Bucalo, os papéis que imitam pele de animal são um dos lançamentos da marca. A textura deles é muito bem feita e mesmo que você passe a mão ainda não dá para acreditar que é falso. As estampas de animais ficam muito sofisticadas, porém precisam ser bem usadas para não ficarem exageradas. Essas são algumas texturas das pastas Alta Gamma e African Queen da Bucalo:

O porcelanato é uma das melhores opções de revestimentos para salas, cozinhas, banheiros, varandas e áreas externas. Por tratar-se de um revestimento cerâmico, porém mais resistente, pode ser aplicado em pisos e até fachadas. O produto é oferecido em diversos acabamentos: liso e brilhante, liso e fosco, texturizado rústico, imitando madeira, couro, tecidos, metais e podem até ser aquecidos.

A Texthura Y Cor trouxe para o mercado brasileiro a linha italiana de porcelanato Leather, cujo efeito de superfície imita o couro. A Collection Leather é semelhante a um papel de parede. No entanto, por se tratar de uma nova versão do porcelanato, a aplicabilidade do produto é mais resistente e prática, podendo ser usado para revestir pisos, paredes, cabeceiras de cama, móveis em geral, divisórias de ambientes, entre outras aplicações.

A coleção está disponível em seis tonalidades diferentes, além de mais 58 modelos de faixas, tozzetos e peças decoradas, que oferecem diversas possibilidades de criação e composição aos projetos. A peça é produzida no formato 33 cm x 33 cm e deve ser assentada com juntas secas, criando painéis contínuos no ambiente, onde não se pode identificar o início e o final de cada placa.

 


Sobre o Autor

Raíssa Schebeleski
Raíssa Schebeleski

Designer de interiores residenciais, comerciais e paisagismo. Assessoria em acabamentos e decoração.


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/metropolerevista/metropolerevista.com.br/html/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273