Implantes dentários ao alcance de todos

Implantes dentários ao alcance de todosOs implantes dentários têm assumido um importante papel para os indivíduos acima de 60 anos, pois além de melhorar a mastigação, se comparado ao uso da prótese removível e prótese total, o implante também melhora a autoestima. Isto, porque ele vai ajudar a combater o isolamento social, causado pela falta de dentes e que acaba impedindo que o idoso tenha uma melhor qualidade de vida, e também vai possibilitá-lo a ingerir os melhores nutrientes da dieta, que irão garantir a manutenção de uma saúde geral ótima. Acerca deste assunto é necessário fazer algumas considerações.

1- Para os usuários de próteses totais (dentaduras) há muitos anos, o ideal são as sobredentaduras (overdentures). De menor custo, por usarem somente de 2 a 4 implantes, elas têm um volume externo que recompõe os tecidos da face, rejuvenescendo os traços bastante sulcados por próteses antigas não reembasadas periodicamente. Uma vez terminada, a sobredentadura é uma prótese total, mas presa por implantes, portanto muito mais eficiente que a anterior.

2- Para usuários de prótese total há pouco tempo, ou para quem perdeu seus últimos dentes recentemente, logo o osso de suporte ainda não foi muito reabsorvido, há a opção do chamado “protocolo”, onde 5 ou 6 implantes são colocados por todo o arco e sobre eles é aplicada uma prótese fixa (com coroas unidas entre si). O resultado final é de uma prótese fixa por todo o arco e grande eficiência mastigatória será obtida nesta condição.

A maioria das pessoas, ao perder seus dentes, acaba utilizando as próteses removíveis. Mas há vantagens ao optar por um implante dentário. O grande benefício é a maior eficiência mastigatória do que com as próteses removíveis. Será muito semelhante a de seus dentes naturais. A outra vantagem é poder voltar a mastigar bons alimentos, os de grande capacidade nutricional e alimentos fibrosos, que vão diminuir a sua esperada constipação intestinal, que também vão ajudar a melhorar sua saúde orgânica.

É comum a dúvida sobre se os implantes dentários e enxertos ósseos podem ser feitos em pacientes da terceira idade. A resposta para esta pergunta é sim, desde que o paciente não tenha impedimentos de saúde geral, para a cirurgia de implantes. Ele pode receber enxertos ósseos como os de pessoas de outras idades. Pode-se utilizar o osso do paciente, osso industrial (geralmente bovino liofilizado) ou ossos obtidos em bancos de ossos.

No entanto, os enxertos ósseos em blocos de grande volume, buscando o osso em outras áreas do corpo, como o da crista ilíaca e o de parte da calota craniana, é que não devem ser indicados em pacientes idosos porque há um grande trauma cirúrgico de se intervir nestas regiões do corpo. A capacidade funcional orgânica média de recuperação dos idosos é menor do que em outras faixas etárias, o que torna o processo difícil e arriscado. Além dos custos e riscos hospitalares, já que não podem ser realizadas no âmbito dos consultórios dentários.


Sobre o Autor

Luiz Augusto Machado Guerreiro
Luiz Augusto Machado Guerreiro

CRO/PR 13889 Cirurgião Dentista

0 Comentários



Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma Resposta


(obrigatório)


Nunca mais perca uma postagem. Informe o tipo de conteúdo que você deseja receber e ganhe um cupom de desconto para uma compra na metropolestore.com.

Fica tranquilo, não enviamos spam.